XIKO BRACHT ASSINA TROFÉUS DO 1º BALSEIROS DA CANÇÃO NATIVA

Compartilhe!

Evento será realizado no Parque da Efapi

Coincidentemente, o início da trajetória do artista plástico teve como ponto de partida a música. Com mais de quarenta anos dedicados à arte, Xiko Bracht nutre um carinho especial em relação aos balseiros, por isso foi escolhido para dar vida à premiação do primeiro festival de música nativista de Chapecó.

Seu talento incorporado a vários trabalhos realizados nesta temática estão auxiliando o artista plástico na produção dos tão esperados troféus. Na praça Coronel Bertaso, pode ser contemplada uma obra desenvolvida por ele denominada “Ciclo da Madeira”, onde retrata a extração e transporte da madeira pelo rio Uruguai.

Para os troféus do Balseiros da Canção Nativa, o artista utiliza a técnica de escultura através da moldagem, com a utilização de vários materiais como o pó de mármore, granito e madeira. “A única coisa que posso contar de forma antecipada é que os troféus terão cores e tamanhos diferentes conforme a colocação de 1º, 2º e 3º lugar”, comenta ele. O artista trabalha há dois meses no desenvolvimento dos troféus e gera suspense em relação a arte final, que só poderá ser contemplada no dia 19 de maio durante a premiação do festival.

O 1º Balseiros da Canção Nativa se destaca pela expressiva premiação em dinheiro e ajuda de custo aos artistas participantes, que somados os valores chega a R$ 50.000,00. Aos interessados em prestigiar o evento, mesas estão sendo vendidas no Bolicho do Gaudério no valor de R$ 300,00 para quatro pessoas, para as três noites. Os ingressos individuais serão vendidos, somente, nos dias de festival no valor de R$ 30,00. O festival é uma realização da Confraria Musiqueira com apoio da Fundação Cultural e Prefeitura de Chapecó.

Mais notícias

As inscrições são gratuitas e vão até 30 de junho A …

Veículo será utilizado nas ações da Secretaria de Assistência Social Com …

Abrir bate-papo
Olá 👋
Podemos ajudá-lo?