A Chapecó FM

São mais de sete décadas de história, tradição e pioneirismo da radiodifusão catarinense.
 
Às 15h30 do dia 23 de outubro de 1948 iniciavam as atividades da Rádio Chapecó AM, na cidade de Chapecó/SC. De lá pra cá, a família Bohner sempre esteve na direção, hoje com a terceira geração sob o comando de Francisco Norberto Bohner Neto e seu pai José Francisco Muller Bohner.
 
Além das notícias locais, a instalação da emissora possibilitou à população o 
contato com informações a nível estadual e nacional. Se tornou a rádio de abrangência 
regional e com voz ativa, exercendo um papel crítico na transmissão das questões e reivindicações sociais e políticas. Dentre as campanhas de maior destaque estão: as obras da ponte sobre o Rio Uruguai, ligando Santa Catarina ao Rio Grande do Sul com 
o Porto Goio-En; a construção do Hospital Regional do Oeste; as ações comunitárias como a campanha do agasalho de inverno e os movimentos de preservação de parques, praças e jardins; alem de, a criação da Fundeste – Fundação Universitária para o Desenvolvimento do Oeste Catarinense, a Unochapecó.
 
Vários programas e comunicadores ficaram marcados na emissora, como por 
exemplo o “Editoria da Notícia” e “Oeste é Notícia”, apresentados por Cassemiro 
Roberto. Outro programa que se mantém até hoje é veterano “Sertão em Festa”, no 
ar desde 1976 e que teve como apresentadores Teles da Silva, Valdison Bueno, Ivan Carlos, Edson Florão, Fernando Doesse, e atualmente sob o comando de Marcos Zadinello.
 
Entre os mais antigos, figura o Programa “Zander Meira” que estreou em maio de 1981, mas que já não está mais no ar. Já o “Rancho da Saudade”, programa nativista, está no ar há mais de 40 anos, com Arlindo Sander, o “Sandrinho”. Outro destaque foi o programa “Galpão da Querência”, com mais de 30 anos de existência, que era apresentado por Romeu Roque Hartmann, considerado um dos radialistas mais antigos em atuação na região Oeste. Ainda hoje também são apresentados os programas a “Oração da Ave Maria” e “A Missa Dominical”, transmitidos desde 1953. “Esporte Total” é um amplo noticiário dos esportes amadores, além de dar destaque ao futebol de salão e ao futebol de campo representado pela Associação Chapecoense de Futebol. Inclusive, a Rádio Chapecó é a pioneira na transmissão dos jogos do time da cidade, acompanhando o clube desde sua fundação em 1973.
 
A “rádia véia” como é conhecida no dito popular, chega aos saudosos 75 anos e opera hoje em FM (100.1 ZYR – Rádio Chapecó). O Grupo Chapecó de Comunicação possui duas outorgas de radiodifusão, sendo a segunda a FM (107,1 MHz – Massa FM Chapecó).

Nossa trajetória em imagens

Homenagem às estrelas que passaram por aqui

Como forma de demonstrar nosso respeito e homenagem à linda trajetória profissional de Douglas Dorneles e Fernando Doesse – vítimas da queda do avião que levava a delegação Chapecoense à partida final da Copa Sul-Americana, na Colômbia, em 2016,  incluímos ao lado de nossa logo duas estrelas. Símbolo escolhido para eternizar em nossas memórias a história traçada pelos dois Jornalistas. 
 
Douglas Dorneles era repórter de campo da equipe de Esportes da rádio Chapecó, cobria os treinos e jogos da Associação Chapecoense de Futebol. Já Fernando Doesse era narrador esportivo desde 2005, apresentava o Debate Esportivo e coordenava a Equipe Esporte Total.
 
Para sempre em nossos corações! 

Confira nossa programação

Abrir bate-papo
Olá 👋
Podemos ajudá-lo?