SAR INCENTIVA PRODUTORES COM AÇÕES DIRECIONADAS ÀS CULTURAS DE INVERNO

Compartilhe!

As ações integram o Programa Terra Boa

O inverno chegou e com ele as culturas típicas da estação e os produtos que chegam à mesa do consumidor. A Secretaria de Estado da Agricultura e Pecuária (SAR) desenvolve projetos específicos para essa época do ano, o Kit Forrageiras e o Incentivo ao Cultivo de Cereais de Inverno, ações que integram o Programa Terra Boa. O Estado também é destaque em produtos típicos da estação.

O secretário de Estado da Agricultura e Pecuária, Valdir Colatto, ressalta o esforço do Governo do Estado para abastecer o mercado com os cereais de inverno produzidos em Santa Catarina. O Programa Terra Boa prevê repasse financeiro aos produtores para expandir a área de produção desses grãos. “A nossa meta é alcançar 20 mil hectares com o projeto de incentivo à produção de grãos de inverno no estado catarinense por meio do Programa Terra Boa. Queremos estimular todo o potencial de produção, com manejo adequado à estação”, afirma Colatto.

O projeto Kit Forrageira é direcionado à implantação e melhoria de pastagens, visando a produção de leite e carne à base de pasto. O Kit é formado por cerca de 80 produtos e pode ser acessado pelos produtores visando o manejo adequado da alimentação dos bovinos, principalmente os leiteiros. O kit possibilita que o agricultor adquira sementes e insumos para piqueteamento da área, melhoramento da pastagem e fornecimento de sombra e água para os animais. O valor acessado pelos produtores pode chegar a R$ 8,58 mil, divididos em três cotas de R$ 2,86 mil cada. Jovens rurais egressos de cursos do Projeto Ação Jovem Rural terão direito a até sete cotas.

O pagamento pode ser feito em três parcelas anuais, sem juros. Caso efetuar o pagamento em parcela única, na data de vencimento da primeira parcela, o agricultor obtém desconto de 30%. Nesse ano a SAR destinou para esse programa mais de 10 milhões, beneficiando 2 mil produtores, com total de 4 mil kits.

No projeto de Incentivo ao Cultivo de Cereais de Inverno, a SAR estimula a produção de grãos de trigo, cevada, aveia e centeio, que são próprios do inverno. Para participar, o produtor deve procurar as cooperativas ou casas agropecuárias credenciadas e firmar um termo de adesão, se comprometendo a cultivar algum dos cereais e entregando o grão produzido a ser destinado para fabricação de ração. O apoio da SAR é de até 10 hectares por produtor, no valor de R$ 385,00/ha. Santa Catarina possui alta demanda pelos cereais, como fonte de energia para a ração de aves, bovinos e suínos. Pelo seu valor nutricional, são utilizados como substitutos do milho na suinocultura e avicultura.

Os produtos típicos de inverno também são destaque na produção catarinense. O Estado é campeão nacional na produção de pinhão, com 4,7 mil toneladas/dados do IGBE 2022, o que equivale a 34,8% da participação nacional.

Mais notícias

Duas pessoas foram presas Na manhã de hoje, a Polícia …

Campeonato foi em São José   No último fim de semana, atletas …

Abrir bate-papo
Olá 👋
Podemos ajudá-lo?