SANTA CATARINA LANÇA PLANO DE MONITORAMENTO E AVALIAÇÃO DA GESTÃO ESCOLAR

Compartilhe!

O objetivo é contribuir para a qualificação e profissionalização da gestão

Pela primeira vez, os diretores das escolas estaduais de Santa Catarina irão passar por um processo de avaliação. O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Educação (SED), lançou o Monitoramento e Avaliação da Aplicação do Plano de Gestão Escolar (MAAP), nesta terça-feira, 25. O objetivo é contribuir para a qualificação e profissionalização da gestão escolar, fornecendo informações para o planejamento estratégico e promovendo o desenvolvimento da qualidade de ensino.

Para o secretário de Estado da Educação, Aristides Cimadon, “o processo avaliativo dos gestores escolares é muito importante para a melhoria e qualificação da gestão escolar. Não existe melhoria da qualidade se não tivermos uma avaliação condizente para verificar se nossos indicadores e metas estão sendo alcançados. Vamos fazer um processo sério”.

O MAAP levará em consideração a habilidade do diretor da escola em executar o Plano de Gestão Escolar. Essa análise será feita a partir do cumprimento do Termo de Compromisso de Gestão e das competências do diretor do Decreto Nº273/2023; da aprovação em cursos para Gestão Escolar ofertados pela SED; da satisfação e participação da comunidade escolar; e dos indicadores de aprendizagem, fluxo escolar e matrícula.

As Comissões Regionais de Gestão Escolar, compostas por membros das Coordenadorias Regionais de Educação (CREs), serão as responsáveis por este acompanhamento e pela devolutiva ao gestor escolar. O trabalho das equipes será orientado por um roteiro de monitoramento.

Formação de Gestores

A SED realizará a aula magna da primeira formação para os gestores escolares, nesta quarta-feira, 26, às 19h. O curso será 100% online, na plataforma Moodle, onde os diretores terão acesso a um cronograma de estudos, videoaulas, textos complementares, fóruns de discussão e deverão cumprir atividades obrigatórias. A carga horária será de 40 horas e o acompanhamento da participação dos gestores será feito pelas CREs.

Será um marco estarmos com os 1046 diretores escolares. A partir desta aula magna, serão oferecidas várias aulas gravadas, para os gestores escolares que quiserem repetir ou rever o conteúdo. O objetivo é sempre melhorar a qualidade de ensino para os nossos estudantes lá na ponta”, disse a secretária adjunta Patrícia Lueders.

Plano de Gestão Escolar

Santa Catarina atingiu um recorde de participação das famílias nas eleições de Plano de Gestão Escolar em 2023. Segundo a Comissão Estadual, mais de 50% das escolas que participaram do pleito alcançaram o quórum mínimo de alunos, professores e famílias necessário. Um número inédito na história da Educação catarinense.

Mais notícias

Somente no período de três anos e meio já foram …

Confira os detalhes    Está disponível no site da Universidade do Estado …

Abrir bate-papo
Olá 👋
Podemos ajudá-lo?