DOENÇAS DE INVERNO: ATENÇÃO REDOBRADA COM AS CRIANÇAS

Compartilhe!

Assunto foi destaque na programação da Rádio Chapecó FM 100.1 na manhã desta quarta-feira (10)

O inverno é a estação mais fria do ano. Essa é a época preferida de algumas pessoas, que gostam das temperaturas mais baixas. Em contrapartida, o inverno também preocupa muitos pais e mães, já que costuma aumentar o risco de doenças respiratórias.

O assunto foi destaque no Chapecó Notícias 1ª Edição desta quarta-feira (10). A médica pediatra Larissa Costa participou da programação e repassou dicas e orientações.

CLIQUE AQUI PARA OUVIR A ENTREVISTA COMPLETA

Grande parte dos vírus (como é o caso do vírus da gripe, do resfriado ou do covid-19) são transmitidos pelo contato físico ou pelo ar, por meio de pequeníssimas partículas que ficam suspensas no ambiente por algum tempo. Por isso, mesmo nos dias mais frios, é importante abrir as janelas para garantir que o cômodo esteja arejado.

Já em ambientes ventilados ou, sobretudo, ao ar livre, essas mesmas partículas se dissipam com maior facilidade, o que ajuda a evitar novas infecções.

Se possível, passe panos úmidos nos móveis, limpe o chão com regularidade e evite o uso de espanadores e vassouras. De acordo com a médica pediatra Larissa Costa, a limpeza dos brinquedos utilizados por crianças também deve ser realizada.

Quando a criança está gripada, resfriada ou com algum quadro alérgico, as vias respiratórias podem ficar ainda mais ressecadas. Além disso, por conta da febre, vômitos ou diarreia, o corpo costuma se desidratar mais rápido. Por isso, é importante oferecer água, sucos e água de coco para os pequenos e pequenas.

Durante um quadro infeccioso, a alimentação também merece atenção. E, por isso, deve ser um dos principais cuidados com as crianças no inverno! Manter hábitos de vida saudável, incluindo bons hábitos alimentares, é bastante importante para fortalecer o sistema imunológico, promover o bem-estar e a qualidade do sono, por exemplo.

Foto: Mateus Frozza / Rádio Chapecó

Mais notícias

Somente no período de três anos e meio já foram …

Confira os detalhes    Está disponível no site da Universidade do Estado …

Abrir bate-papo
Olá 👋
Podemos ajudá-lo?