CHAPECÓ TEM R$ 10 BILHÕES EM INVESTIMENTOS PRIVADOS NA ÁREA DA CONSTRUÇÃO CIVIL

Compartilhe!

Informação foi divulgada pela diretoria do Sinduscon, em entrevista ao Chapecó Notícias – 1ª Edição da Rádio Chapecó FM

Quase um terço dos domicílios em Chapecó são apartamentos. Esse foi o resultado publicado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) com a divulgação do chamado “Censo 2022: Características dos domicílios – Resultados do universo”, em mais uma fase oficializada pelo IBGE. Chapecó tem mais de 101 mil domicílios – mais de 65 mil (68,41%) são casas; mais de 27 mil (29,97%) são apartamentos; 1.145 (1,23%) domicílios são vilas ou condomínios; e 352 (0,38%) são cortiços.

Na manhã desta terça-feira (11), participaram do Chapecó Notícias 1ª Edição, o presidente do Sindicato da Indústria da Construção e de Artefatos de Concreto Armado do Oeste (Sinduscon), Lírio Sanagiotto, e o Vice-presidente Alexandre Fiorini.

O número de apartamentos em Chapecó representa a maior taxa da região Oeste, e acima das médias estadual e nacional, demostrando mais uma vez a pujança da construção civil local e o forte crescimento econômico de Chapecó.

O presidente da entidade disse que, atualmente, Chapecó tem R$ 10 bilhões de investimentos privados na área da construção civil.

CLIQUE AQUI PARA OUVIR A ENTREVISTA COMPLETA

Foto: Mateus Frozza / Rádio Chapecó

Para o presidente do Sinduscon, Lírio Sanagiotto, esses números reforçam a sequência já consolidada de crescimento do setor da construção civil em Chapecó e região. Ele destacou que a construção civil corresponde, hoje, à segunda maior matriz econômica da região Oeste, atrás somente do agronegócio; também ainda sendo um dos maiores segmentos econômicos de Santa Catarina.

BENEFÍCIOS PARA AS EMPRESAS ASSOCIADAS

O presidente do Sindicato, Lírio Sanagiotto, explicou os benefícios para a empresa, como maior representatividade, melhores condições de trabalho e capacitação e assistência jurídica.

Na questão da representatividade, o Sinduscon defende os interesses dos seus associados em negociações com outras entidades, como sindicatos de trabalhadores, órgãos governamentais e com empresas de outros setores.

Desta forma os associados são ouvidos e as suas demandas são consideradas nas decisões que afetam atividade empresarial. Negociação coletiva é outra vantagem: Sinduscon negocia acordo coletivo de trabalho com os sindicatos de trabalhadores.

SEGURANÇA EM OBRAS

Durante a entrevista na Rádio Chapecó FM 100.1 nesta terça-feira (11), também falado sobre o uso de equipamentos de proteção individual (EPIs), medidas de prevenção de acidentes, sinalização e isolamento de áreas de risco, treinamento dos trabalhadores, entre outros assuntos relacionados à segurança nas obras.

Mais notícias

Evento aconteceu na Unidade Administrativa, em Chapecó, nesta segunda-feira (24) O …

Paciente foi transferido de Maravilha para Chapecó Nesta terça-feira (25), a …

Abrir bate-papo
Olá 👋
Podemos ajudá-lo?